21/02/09

Amantes distantes

Numa tarde primaveril
sonho poder ao teu lado estar,
Plantar as sementes da paixão,
Semear um prazer viril,
Germinar de novo o coração.
Interrogar-me a teu respeito,
Despir-te e tapar-te
Passear-me no teu peito
Amar-te e Explorar-te
Sem nenhum preconceito,
Jazir o mal num caixão,
Aderir a um conceito...
Ter-te na minha mão.